— Atendimento psicológico no Tatuapé – São Paulo

A calma da mãe acalma o bebê.

A calma da mãe acalma o bebê.

Essa afirmação parece muito distante da sua realidade? Parece impossível manter a calma diante a tanta pressão, não é? É difícil mesmo, você não está sozinha.

É difícil saber o que ele quer sempre que chora, e se ele não pára rapidamente é um passo para o desespero materno.

Enquanto ele estava dentro de você era possível suprir todas as suas necessidades, seu desenvolvimento era monitorado, mas aqui fora as coisas ficaram complicadas..

E começa pela comunicação entre vocês que ainda não é tão boa, já que não falam a mesma língua, a cada choro intenso, uma mãe à flor da pele.

Por isso, quero compartilhar algumas dicas para ajudá-las a passar por essa fase tão intensa quando seu bebê estiver chorando muito e você a beira do desespero, procure se lembrar:

1- Pare e respire fundo. Sua calma ajuda a acalmar o seu bebê;

2- Procure um lugar que estejam somente vocês dois;

3- Quando conseguir se tranquilizar, se conecte com o seu bebê, observe-o. Nesse momento, você conseguirá refletir sobre as necessidades dele e se todas estão satisfeitas (sempre começamos por aí!);

4- Teste seus diversos modos de colo! aqueles que o mantém mais junto ao seu corpo têm mais chances de funcionar!;

5- Sempre, sempre, sempre retome a dica número 1 !

Sua calma acalma o seu bebê, então o que te traz calma dentro do que é possível fazer neste momento?

E lembre-se: calma não é inércia. Calma é ter a capacidade de se tranquilizar e refletir sob pressão, e estar com um bebê recém nascido é enfrentar essa situação constantemente, por isso é tão importante pensar sobre o que te ajuda a manter a calma.

Você irá precisar muito disso enquanto seu bebê cresce, então quanto antes começar a treinar, melhor para todos!

Por @psicologathaisamiguel

No Comments

Post A Comment

vinte + 19 =

Fale Comigo